Concretização de projectos requer capacidade e inteligência

Concretização de projectos requer capacidade e inteligência

A governadora da Lunda Sul, Cândida Narciso, considerou que a concretização de diferentes projectos no país, neste momento de grandes dificuldades financeira que Angola vive, em particular, e o mundo, em geral, requer capacidade e inteligência para a sua execução.

Segundo a governadora da Luanda Sul, que falava à Angop, no âmbito do Fórum sobre "Principais programas do sector social do Estado", realizado em Luanda, apesar da escassez de recursos financeiros, o sector da educação como o ensino primário e alfabetização constituem prioridade do governo da província.

Argumentou que a aposta no sector da educação vai permitir que no futuro cada cidadão possa conseguir recursos financeiros, e não só, para atingir os seus objectivos fruto de uma formação sólida.

Apesar da província ser eminentemente mineira, prosseguiu a governadora, Lunda Sul tem dado passos significativos para explorar o sector agrícola, tendo em conta as grandes quantidades de recursos hídricos e terras aráveis.

Segundo disse, historicamente a província da Lunda Sul já produziu grandes quantidades de arroz. Sublinhou que a falta da capacidade tecnológica e o capital humano condicionam a boa vontade do governo.

Salientou que a província conta com alguns programas no sector das pescas como da pesca continental - que congrega um projecto de piscicultura, em parceria com a Sociedade Mineira de Catoca e o governo local, que está a permitir a produção em tanques de algumas de reprodução de peixe cacusso.

Ressalvou que os projectos ligados ao sector da agricultura e pesca estão a permitir o aumento de mais postos de trabalho e concomitantemente a nutrição das famílias.

Fonte: ANGOP

Publicidade

Fechar
Fechar